26/05/09

Balanço Desportivo 08/09

Finda a época desportiva é altura de fazer um balanço de tudo o que se passou na última temporada, sendo que globalmente o objectivo traçado foi falhado e a avaliação final se traduz em mediana.
Supertaça Cândido Oliveira
Os leões cumpriram a sua missão e venceram novamente o troféu, iniciando da melhor forma a época desportiva. Objectivo Cumprindo.
Taça da Liga
O Sporting desempenhou o seu papel, alcançou novamente a final, conquistando a Taça que entretanto lhe foi roubada por um artista de Setúbal. Objectivo Cumprido.
Taça de Portugal
A equipa leonina tinha a possibilidade de fazer a 3ª visita consecutiva ao Jamor e vencer a 3ª Taça de Portugal seguida, mas caiu nos QF numa das melhores exibições da temporada, num jogo com arbitragem polémica para não variar. As grandes penalidades voltaram a ser decisivas, mas para o adversário. Objectivo Falhado.
Champions League
Na Europa o Sporting foi capaz do melhor e do pior, fez uma boa fase de grupos, excepção aos embates com o Barcelona, que foram o presságio para o que viria depois. Os leões conseguiram a passagem histórica aos Oitavos de Final da prova, com 4 vitórias e 2 derrotas, mas depois foram humilhados por um Bayern de Munique sem o poder de outros tempos. Esta hecatombe deixou à vista a falta de maturidade, experiência e ambição da nossa equipa, que aliada a decisões menos compreensíveis de Paulo Bento ditaram o resto. Objectivo Falhado (devido à humilhação).
Liga Nacional
Os leões falharam o seu objectivo principal para a temporada, serem campeões. Depois de um arranque que prometia, a equipa perdeu fulgor e voltou a desperdiçar pontos incompreensíveis para um candidato ao titulo. Quando recuperou e tentou o pressing final, foi tarde uma vez mais.
O Sporting perdeu uma boa oportunidade de ser campeão, não aproveitando a vantagem que trazia das temporadas passadas, mostrando as mesmas fragilidades e limitações de outras épocas, tendo uma performance em Alvalade que lhe custou o titulo, com 3 derrotas (em 4 no campeonato) e 1 empate caseiros. Objectivo Falhado.
Casos
Numa época em que o titulo era assumido por todos como o grande objectivo da época, o balneário leonino viveu sob brasas a grande maioria do tempo. Desdes as intenções de Moutinho e Veloso em saírem do clube em altura cruciais, ao "castigo" interno a Vukcevic que privou a equipa de um dos seus melhores valores em quase metade do campeonato, à guerra interminada com Stojkovic, aos amuos de Yannick, às constantes "crises e polémicas" criadas pela imprensa, o balneário leonino não foi capaz de ser forte o suficiente para aguentar tudo isto, e num clube que ambiciona ser campeão, isso revelou-se fatal.
Reforços
Outros dos aspectos que tem de ser levado em linha de conta neste balanço foi a performance desportiva dos atletas que vieram para reforçar e melhorar a equipa, e também nesse aspecto o Sporting não foi feliz.
Rochemback e Caneira estiveram longe do valor que já demonstraram em passagens anteriores pelo clube, sendo eles jogadores determinantes no esquema da equipa.
Postiga esteve demasiado intermitente, alternando o melhor com o péssimo, nunca conseguindo afirmar-se em definitivo na equipa e como parceiro de Liedson.
Grimi que seria a aposta para o mui desfalcado lado esquerdo, começou mal e quando caminhava para a sua melhor forma, lesionou-se com gravidade acabando a época bem mais cedo.
Carriço foi a grande revelação e aquele que seria à partida o reforço menos sonante do plantel e com poucas hipóteses de mostrar serviço, acabou por ser o grande reforço da equipa e aquele que melhor justificou a aposta.
Espero que o plantel seja reforçado com experiência e qualidade, que os mesmos erros não se voltem a repetir e que na próxima época o titulo seja uma realidade, chega de ficar em 2º...

9 rugido(s):

Petição disse...

POR UMA REVOLUÇÃO NO FUTEBOL EM PORTUGAL:
http://www.ipetitions.com/petition/revolucaofutebolportugal/

Anónimo disse...

Poderia ter sido uma época positiva se:não tem havido o braço de ferroo parvo entre Paulo Bento e Stói/Vulsevic e se não se tem dado as abébias ao filho do amigo Galinaceo Veloso,que como hoje se sabe pela boca do Pereirinha (fês mossa no Balneário).Concluzão;por onde andava Sores Franco??? que nunca pôs ordem na casa.Agora devia-se pedir responsabilidades por não se ter conseguido alguns objectivos por culpa dos atrás citados

Visconde disse...

Houve demasiados contratempos para um clube que aspirava ao titulo.
Soares Franco também é um dos responsáveis por nunca ter posto um ponto final em determinadas situações e por não ter dado a cara em outras.

Armando Silva disse...

Excelente analise amigo Visconde, mas discordo apenas num ponto... Na nota negativa para a taça de Portugal. Aí, julgo que não falhamos o objectivo, mas antes que, à semelhança da taça da liga..., nos roubaram a hipótese de estar no jamor... Fomos superiores durante todo o jogo e no tempo extra, roubaram-nos de forma flagrante uma grande penalidade... Toda a gente viu e o arbitro também, de certeza...

Quanto ao resto nada a apontar... A liga dos campeões é como diz, seria positiva se não fosse a forma como perdemos...

Grande abraço caro amigo

Visconde disse...

Amigo Armando

Concordo com isso, mas a nota negativa deve-se sobretudo aos constantes falhanços nas grandes penalidades, é algo que tem de terminar.

Abraço

Armando Silva disse...

Aí sou obrigado a concordar... De facto é inadmissível perdemos sempre que chegamos aos penaltis... Não pudemos ser assim tau fraquinhos mentalmente...

Grande abraço caro amigo

MESTRE FÁUSTICO disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
OLeãoRampante disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
OLeãoRampante disse...

Foi medo... Lembro-me que depois dos 7-1, eu, que sempre fui um defensor acérrimo do PB disse que seria melhor sair no final da época. 3 dias depois já me tinha retratado.
Ameu ver PB, técnico ainda novo, não soube incutir ambição no jogo contra o Bayern. E porquê? Porque o próprio Paulo Bento tinha medo! Talvez seja uma desvantagem de não ter sido treinador adjunto durante alguns anos antes de ser treinador... não sei. Tenho é a esperança de que também ele perca o medo e incuta ambição e alimente o ego dos jogadores antes deste tipo de jogos. É preciso não esquecer que o shaktar ganhou a Taça Uefa e não conseguiram marcar nem um golo... Perdemos com o Barça, e foram campeões de Europa. Talvez até tenhamos sido das equipas que mais problemas causámos, dado que no jogo em camp nou, poderia ter sido um pouco diferente, tal como cá, qd ainda fizemos o 2-3, tendo depois sofrido um auto-golo... E foram muitos os golos estranhos sofridos contra Barça e Bayern. Dos 12, 4 ou 5 foram de jogadas normais, os outros, foram de uma anormalidade absurda.

Não pensemos que isto nos vai perseguir a vida inteira, só serão os lampiões a chatear, mas nós contra eles temos um jogo que lhes relembraremos sempre. Na Europa, tb a Roma levou 7 do MAnUnited...

Vamos lutar para fazermos melhor na próxima época. Tanto jogadores como treinadores têm mais experiência.

Mais uma coisinha....O Veloso tem de sair.

Saudações Leoninas!