27/08/09

Ciao Champions

O Sporting despediu-se da Liga dos Campeões com mais 1 empate, apesar de ter realizado uma boa partida e mostrado que tinha valor para seguir em frente. Faltou a sorte que nos protegeu frente ao Twente e faltou ambição de ir mais além, agora segue-se a Liga Europa que espero seja para levar bem a sério e até bem longe.
Os leões apresentaram-se com o melhor onze possível face às ausência e acabaram por surpreender com 45" de bom futebol, com os espaços bem preenchido, compensações bem feitas, com diagonais e lançamentos rápidos no ataque, pecando apenas na finalização, pois quando Moutinho fez o 0-1 numa grande execução de livre, já o Sporting poderia estar em vantagem não fosse o desacerto ofensivo.
Até final a Fiorentina tentou reagir, mas os leões mostraram sempre grande acerto e a equipa viola não dispôs de qualquer oportunidade neste 1º tempo.
Na 2ª metade tudo foi diferente, a entrada de Jovetic revolucionou a equipa transalpina, que ganhou pendor ofensivo e criatividade no ataque, baralhando o sistema defensivo e as marcações da equipa leonina.
O montenegrino ameaçou logo no 1º minuto da etapa complementar, mas o aviso não foi escutado, o Sporting continuou a dar espaço no meio campo e a criar a habitual desligação entre sectores, consequência disso foi o empate aos 54", num grande lance do jovem mas onde P.Silva fica uma vez mal na foto. Penso que aqui deveria ter havido uma compensação no centro do terreno, com Roca ou Adrien a entrarem para apoiar Veloso, ficando Yannick numa das alas a dar apoio a Liedson.
Em vantagem na eliminatória, a Fiorentina soube controlar bem a partida e criar perigo em contra-ataque, o Sporting que teve de ser forçado a ir em busca do prejuízo, voltou a denunciar as suas fragilidades e dificuldades em criar perigo perante formações que defendem bem e de forma compacta. Apenas por 2 situações os leões estiveram perto de marcar nos últimos 30" do encontro, muito pouco para quem queria algo mais.
O Sporting despede-se assim da Champions de forma algo inglória, mas por responsabilidade própria, por não ter capacidade de gerir o controlo da partida nos momentos mais difíceis e por oferecer 3 golos a um adversário demasiado eficaz.
Segue-se a Liga Europa e Coimbra onde outro resultado que não a vitória será inicio de um grande problema.

7 rugido(s):

Caetano disse...

Acho que estás a ser injusto com o Pedro Silva. O lance do golo resulta de um corte muito mau de Carriço que coloca a bola em zona de perigo nos pés do adversário. De resto, o Sporting fez o jogo possível, e um bom jogo, com as opções que tinha.

No final, faltaram alternativas para o esforço final. Com Izmailov e Vukcevic, teriam passado à vontade.

Gnitrops disse...

Venha a Liga Europa...

SL

Krugul disse...

Caro Visconde,

Embora ache que o Pedro Silva esteja a fazer um péssimo início de época, o golo da Fiorentina, na minha modesta opinião, resulta de um pormenor genial do Jovetic, jogador que não engana, mais do que de um desacerto da defesa, neste caso do Pedro Silva, embora concorde que podia ter feito mais. No entanto, eu nunca gostei deste jogador porque acho que é de uma falta de inteligência assustadora, uma vez que não hesita em cometer faltas (que podem dar expulsão) em zonas perigosas do campo.

Confesso que até gostei do Sporting na primeira parte, mas também não foi assim uma exibição tão boa. Pareceu-me que o Sporting jogou aquilo que a Fiorentina deixou. Quando tiveram que acelerar, bastaram 8 minutos para marcar, o que diga-se é muito pouco, A partir daí, o sporting só criou um lance de perigo na segunda parte, o que é muito pouco.

Bem sei que o plantel é fraco, mas quem o construiu? Fui eu? Certamente que não, até porque a desculpa do dinheiro não pega. Quanto custou o Néné ao Nacional? Quanto custou o Welden ao benfica? Só dois exemplos de bons jogadores (estou a falar do Welden no Belenenses) e há muitos mais por esse país fora e no Brasil. É preciso olheiros como deve ser.

Enfim, vamos aguardar pelo jogo de Coimbra para saber se é mais parecido com os que o Sporting fez com a Fiorentina ou com o Braga e Cª.

Off the post.

Parece que a equipa invencível do recreativo de carnide, afinal não é invencível. Esqueceram-se de dizer isso aos Ucranianos?

Saudações Leoninas

Krugul disse...

Dizer que é invencível, claro está.

SL

Visconde disse...

Caro Krugul

O nosso problema não está nos galinaceos, porque esses com milhões e Jesus acabam sempre da mesma forma, o problema está que o Sporting não consegue ser regular o suficiente para morder os calcanhares ao porto, a não ser quando eles deixam. Precisamos de algo mais...

Abraço

nMatos disse...

Visc,

E o que é esse "Precisamos de algo mais..."? Isso reflecte exactamente no quê?

Alguém disse que os clubes se tem reforçado com jogadores baratos e que é preciso olheiros, eu concordo.

O Alonso, ex-nacional e agora no Marítimo, é um excelente lateral e, se não me engano, foi o jogador com mais assistências no campeonato transacto. É só um exemplo...

Por muito que o Nené, ex-nacional, custasse em termos de passe não era de comprar? Outro exemplo...

Leixões tem um ou outro jogador que pode ter margem de progressão.

Mais vale comprar cá, barato, do que ter flops como Buenos, Caicedos, Purovics, etc, que custam muito em termos de orçamento mensal.

A filosofia de gerar jogadores na Academia é interessante, mas só isso não gera resultados e receitas...

E eu não percebo nada de bola, só estou a mandar bitaítes...

Armando Silva disse...

O Sporting entrou bem, até esteve em vantagem mas cedo se viu, logo no inicio da segunda parte, que não teríamos grandes hipóteses de seguir em frente... Mais uma vez lembro que jogamos com uma equipa com 7 meninos contra uma equipa de veteranos internacionais... Era difícil fazer mais...

Grande abraço caro amigo