24/08/08

Novo, só mesmo o nome...

O Sporting teve uma verdadeira entrada de leão no campeonato, mostrando vontade, determinação e ambição em resolver rapidamente o encontro a seu favor, tendo-o conseguido em apenas 30 min. Após essa meia hora de grande qualidade os leões venciam já por 3-0 e tinham o jogo praticamente ganho, fruto de uma entrada forte e de uma grande eficácia.
Paulo Bento que apresentou Grimi no lugar de Caneira como única alteração com intuito de dar maior profundidade ofensiva à equipa, tinha dito na vespera que a equipa tinha a 1ª final para demonstrar que quer ser campeã, e não podia ter ficado mais satisfeito com o rendimento da equipa na etapa inicial. O Sporting desde cedo procurou o golo, foi uma equipa pressionante, não deixando o adversário sair do seu meio campo, dando largura ao seu jogo, com o meio campo em constantes trocas e variações de jogo, baralhando por completo a equipa da Trofa. Fazendo uma bela exibição, mas sem acelerar muito o jogo, os leões iam construindo uma vitória fácil e robusta, sem que o adversário conseguisse incomodar Rui Patrício. Se o 1-0 surgiu num lance típico do Sporting, com o central goleador Tonel, a impor-se nas alturas e a fazer o 1º golo leonino no campeonato, o 2-0 nasce de um lance que vai ser recorrente na equipa com a chegada de Rochemback, o livre em força, com Yannick a acertar na trave, mas Izmailov a fazer o golo na 3ª tentativa. Já o 3-0 foi o golo de classe da noite, uma execução sublime de Djaló com o calcanhar a desviar do GR adversário, um grande golo que revela o excelente momento do avançado. Até final do primeiro tempo, houve um maior equilíbrio na partida, devido ao abrandamento do Sporting, sem contudo ter havido qualquer situação de perigo para as balizas.
O 2º tempo iniciou-se com uma toada de maior equilíbrio, embora fosse o Sporting que ia revelando maior pendor atacante, tentando o Trofense responder como podia. Decorreram assim os 15” iniciais, até que um lançamento do meio campo da Trofa isola o seu avançado, que isolado foi rasteirado por Polga visivelmente fora da área. Paulo Baptista assinala a falta, expulsa Polga e marca grande penalidade com indicação do seu assistente. Palavras para quê... Se Polga é bem expulso, e aqui parece-me de uma grande ingenuidade por parte do brasileiro com a equipa a vencer por 3-0, e sabendo que a próxima deslocação é ao difícil terreno do Braga, cometer uma falta daquelas. Não havia necessidade. Já o que se sucedeu depois é sinal revelador que o estágio em Melgaço foi bem aproveitado pelos homens do apito, simplesmente vergonhoso...
Que tal mudar o nome da Liga Sagres para Multi ópticas???
Após este lance o Sporting procurou controlar o jogo, fazendo posse de bola e segurando a vantagem, o que demorou alguns minutos a acontecer, pois a jogar com 10, a equipa desorganizou-se um pouco e demorou a encaixar no esquema adversário.
No último quarto de hora, o domínio apesar de mais repartido voltou a ter sinal mais dos leões que ainda criaram 2/3 boas situações de golo desperdiçadas.
Foi uma vitória justa, numa boa exibição até o jogo ser estragado pela 3ª equipa do jogo, que abre boas perspectivas para o futuro. A 1ª das 30 finais está ganha, o titulo está mais perto, veremos o que o futuro nos reserva nesta liga de futebol que de novo só tem mesmo o nome...

8 rugido(s):

Renata A. disse...

Foi um bom jogo do Sporting, principalmente na primeira parte, que foi de sentido único: sempre em direcção à baliza do Trofense.
Na segunda parte em virtude da grande penalidade muito mal assinalada, os leões ficaram algo desorientados em campo e o Trofense aproveitou para criar mais perigo junta da baliza de Patrício. No global, foi uma boa entrada do leão.

SL

mpre27 disse...

Muito boa a 1ª parte. Na linha do que havia acontecido na Supertaça. Promete! Próximo fim-de-semana, voltamos a ter o jogo do título.

Vamos a eles!

Gnitrops disse...

A 1ª vitórias já está!

Faltam 29...

Força Sporting!

Abraço

Anónimo disse...

O COBRAS?

Visconde disse...

Deve ter-se perdido no nevoeiro...lol

Tite disse...

A Liga de novo só teve o Yannick a marcar um golaço de calcanhar!!!
Foi lindo de ver.
Além de termos a oportunidade de voltar a ver a sua língua, claro!
Rugidos leoninos

Armando Silva disse...

Excelente inicio de campeonato... Claro que foi contra o Trofense, mas neste jogo reforçamos a nossa candidatura ao titulo... Não tanto pelo jogo e adversário mas fundamentalmente pela atitude, essa sim deixou agua na boca...

Grande abraço caro amigo

Lagarto disse...

O COBRAS FOI BUSCAR O LUÍS GARCIA MUAHAHA AHA HA HA HA MUHUHUHUHUUUUUU